Sul 21 » Justiça de Gravataí anula segunda acusação contra Rita Sanco

Sul 21 » Justiça de Gravataí anula segunda acusação contra Rita Sanco.

O PT de Gravataí comemora mais uma vitória judicial no caso da ex-prefeita de Gravataí, Rita Sanco. Cassada em 2011 por uma articulação da oposição no legislativo municipal, ela e o então vice-prefeito Cristiano Kingeski foram absolvidos de mais um item dos 11 que integram o processo que resultou no impeachment dos petistas. Nesta semana, a 2ª Vara Cível de Gravataí arquivou a ação de improbidade onde Rita era acusada de ter cometido irregularidades ao renegociar dívidas com a Corsan. Este era um dos principais argumentos da cassação e na sentença, a operação feita foi considerada isente de danos ao erário.
O PT aguarda o desfecho de uma ação anulatória da cassação promovida pela Câmara de Gravataí. O resultado da sentença sobre a Corsan foi acrescentada ao processo, assim como a primeira anulação, relativa a uma acusação de fechamento da Escola Municipal Santa Rita. A ação também recebeu um anexo que lista assinaturas de cerca de 20 mil eleitores de Gravataí. Eles pedem o célere julgamento do recurso que busca revogar os efeitos da cassação de Rita.“A justiça está começando a ser feita. Existem outros itens que já tem pareceres jurídicos favoráveis a nós. O que aconteceu foi uma ação combinada, infundada, para tomar a prefeitura de assalto. E agora, às vésperas da eleição, nem eles se entendem”, disse da divisão entre os partidos que promoveram a cassação.

Anúncios
Esse post foi publicado em Golpe e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s